1095407-sp_rvrsa_abr_2510174377.jpg
Fila para vacinação contra febre amarela na Unidade Básica de Saúde no Jardim Peri

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou nesta terça-feira (16) informe em que classifica todo o estado de São Paulo como área de risco para a febre amarela. Segundo a entidade, a decisão foi tomada a partir do crescimento do nível de atividade do vírus da doença no território paulista desde o fim de 2017.

Com isso, a OMS recomenda que toda pessoa que pretenda viajar para qualquer ponto do estado, partindo de dentro do Brasil ou de outros países, tome a vacina contra a febre amarela com dez dias de antecedência.

A entidade informa ainda que a avaliação é um processo permanente e que pode vir a indicar novas áreas de risco no país.

De acordo com a OMS, desde dezembro de 2016 foram registradas ocorrências de febre amarela em macacos em 21 estados brasileiros e no Distrito Federal, com 788 casos em humanos, dos quais 265 resultaram na morte do doente.

POÁ NÃO TEM VACINA

No dia de hoje diversas pessoas procurou a @oficialpoacomacento, informando que não tinha mais vacinas nos postos de saúde, fato este que foi nos confirmado na área central no CS II.

Ligamos tanto para o secretário de Saúde, Marcos Ribeiro da Costa, o Marquinhos Indaiá quando ao prefeito Gian Lopes, e também para o secretário de governo, Augusto de Jesus, mas os mesmos não atenderam e nem retornaram a ligação, até o fechamento desta matéria.

Segundo informações, amanhã a cidade poderá ter doses para ofertar para a população.

Segundo apuramos na área central, haviam pessoas de Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, São Paulo e até moradores do litoral, que vieram tomar sua vacina nos postos de saúde da cidade.

Com informações da Agência Brasil / Foto: Rovena Rosa