CÂMARA DOS VEREADORES APROVA AUMENTO DOS IMPOSTOS EM POÁ

Byanka Calabrez
DSC_0447.JPG
A sessão foi presidida pelo irmão do prefeito Gian Lopes, Welson Lopes

Ontem (3 de outubro de 2017) aconteceu a votação na Câmara Municipal de Poá para a aprovação de três projetos, os aumentos da taxa de lixo e da o aumento da taxa de iluminação pública e do IPTU.

A votação acirrada teve como base abordar o Imposto Predial, que recebeu seis votos a favor e cinco contra, além de duas abstenções. Já taxa de custeio ambiental e a Contribuição para o Custeio de Serviços de Iluminação Pública (Cosip) e foram aprovaram por sete a seis votos. Na votação também ocorreu uma abstenção e três ausências.

O presidente da câmara, Welson Lopes (PR) se manifestou sobre a aprovação dos projetos. “A queda de arrecadação no município estava carente e precisava fazer alguma coisa pra manter a nossa cidade no azul”, afirmou o presidente.
Durante as votações, os vereadores Saulo Dentista (PSL) e Marcílio Duarth (PR) se ausentaram do plenário e o Edinho do Kemel (PODE) não compareceu por motivos de saúde.

No decorrer foram discutidos todos os projetos de lei, e o vereador Toninho da Biblioteca (SD) tentou convencer os vereadores a votarem o contrário, mostrou vídeos falando sobre os gastos de R$645 mil do governo com a implantação de sistemas de informação nos postos de saúde e colocando a implantação como algo que não há necessidade.

DSC_0422.JPG
O vereador Marinho fala sobre o aumento e sua votação

O vereador Mario de Oliveira, conhecido como Marinho do Jornal (PPS) também foi contra o aumento do IPTU, pois ele sempre participou das manifestações contra os aumentos abusivos. “No momento que o país está passando de muita gente desempregado eu não poderia votar contra a população, por isso declarei meu voto há algumas semanas e até mesmo na minha página no Facebook que eu era contra qualquer tipo de aumento”, disse Marinho do Jornal.

Já o vereador Lázaro Borges (PROS) foi a favor e apresentou uma emenda que altera o valor da cobrança da Cosip para o comércio de 3% para 3,5%.
Por unanimidade, os projetos de lei foram aprovados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: